Acompanhe a Orquestra
Digite uma palavra-chave
Home
Professores
Renato Bandel

Renato Bandel

 

  
Nascido em Piracicaba, São Paulo, iniciou seus estudos de música aos seis anos de idade com sua mãe. Aos 20 anos recebeu uma bolsa para estudar na Orquestra-Academia da Orquestra Filarmônica de Berlim. Realizou concertos com a orquestra sob regência de Claudio Abbado, Daniel Barenboim, Seiji Ozawa, Günter Wand, Zubin Mehta, Bernard Haitink, Simon Rattle, Nikolaus Harnoncourt entre outros, em várias cidades europeias. Com a orquestra, realizou diversas gravações de CD e DVD. Atuou também como camerista na Philharmonie Berlin e em Frankfurt (Alemanha).
 
Estudou com Hartmut Rohde na Universidade de Artes de Berlim e, após se formar com nota máxima, passou a integrar a classe de solistas. Graduou-se com o título de mestre. Recebeu o “Prêmio Carlos Gomes - Melhor Conjunto de Câmara” em 2006, como integrante do Quarteto Camargo Guarnieri.
 
Durante sua estadia de sete anos em Berlim integrou a Ensemble Oriol Berlin, realizando concertos na Alemanha, México, Portugal, com renomados solistas internacionais, como Anner Bylsma, Emmanuele Pahud, Rainer Kussmaul, entre outros. Atuou também como músico convidado na Orquestra Gulbenkian (Lisboa / Portugal).
Foi professor do Instituto Baccarelli (São Paulo), onde também atuou como coordenador pedagógico. No Instituto, foi responsável pela preparação do naipe de violas da Sinfônica Heliópolis, assim como da seção de cordas e grupos de câmara.

Trabalha como coordenador pedagógico na Santa Marcelina Cultura, onde é responsável pelo Núcleo de Música Antiga, Ópera Estúdio, Orquestra Jovem do Estado de São Paulo, Banda Jovem do Estado de São Paulo, Coral Jovem do Estado de São Paulo, assim como da área erudita da Emesp, Escola de Música do Estado de São Paulo - Tom Jobim.  Coordenou as edições de 2009, 2010 e 2011 do Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão, também sob a gestão da Santa Marcelina Cultura.
 
Atuou como solista com várias orquestras brasileiras. Em 2009, estreou o concerto para viola e orquestra de Krzysztof Penderecki com a Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo, sob regência de László Tihanyi (Hungria), no Teatro Municipal de São Paulo. Repetiu a interpretação em 2014 com a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre, sob regência de Kiyotaka Teraoka.
 
Atualmente, Renato dedica-se ao trabalho de Música de Câmara com o pianista Horacio Gouveia, valorizando a interpretação de obras de compositores brasileiros para viola e piano. Atuou como professor de viola e música de câmara nos Festivais de Campos do Jordão, Poços de Caldas, Bagé, Lages, Maringá, Santa Maria, Natal, João Pessoa, Recife, entre outros.
 
Lei de incentivo à cultura Caterpillar Supermercados Pague Menos Leve Mais Oji Papéis Especiais Bom Peixe 3marias AMPI Ministério da Cultura